Rio Juruá apresenta vazante, mas continua atingindo 5 mil famílias em Cruzeiro do Sul

0
70

O Rio Juruá, em Cruzeiro do Sul, no interior do Acre, apresentou uma vazante de pelo menos 25 centímetros nas últimas 24 horas, segundo a medição da Defesa Civil, nesta terça-feira (12).

O manancial que transbordou no final da última semana, chegou a cota de 13,30 metros na segunda-feira (11). E na medição deste terça, marcou 13,05 metros.

Mesmo com a vazante, o coordenador da Defesa Civil, José Lima, disse que permanece o mesmo número de bairros e famílias atingidos – são seis bairros e mais três comunidades, nove ao todo e 5 mil famílias atingidas. Apenas os desalojados deve aumentar o número.

“Deu uma baixada e continua baixando. Hoje pela manhã, na medida das 6 horas, tivemos 13,05 metros. Esses bairros só vão sair quando chegar na cota de 12 metros. Continua três famílias desalojadas, mas hoje vai aumentar para quatro, porque vamos retirar uma que teve problema”, disse.

O coordenador acrescentou que, até esta terça, ainda não teve problemas com desbarrancamentos recentes, e, que esse tipo de situação começa a ocorrer quando o rio apresenta vazante a partir de um metro, mas mesmo assim, ele deixa o alerta para os moradores ficarem atentos.

“Continua a vistoria todos os dias pela manhã e pela tarde o monitoramento. Que as famílias continuem atentas a qualquer movimento de tronco de árvore, desbarrancamento. Se ocorrer, que entre em contato imediatamente com o Corpo de Bombeiros e a Defesa Civil”, acrescentou.

Com a cheia do Rio Juruá, uma mulher morreu eletrocutada na tarde de segunda-feira (11). Maria das Graças Marques, de 32 anos, morreu no bairro Olivença, após cair com a mão sobre um fio de eletricidade.

A Energisa informou ao G1 em meio de nota que “lamenta o acidente em decorrência de choque elétrico que ocorreu em um bairro de Cruzeiro do Sul, na segunda-feira, (11). O fornecimento de energia na residência onde ocorreu o acidente não estava interrompido.”

Por Alcinete Gadelha, G1 AC 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui