20 julho 2024

Justiça Itinerante na Amazônia Legal: reunião do observatório dos Direitos Humanos destaca participação da Justiça acreana em Humaitá (AM)

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Publicidade

A 1ª Reunião de 2024 do Observatório dos Direitos Humanos (ODH) do Poder Judiciário brasileiro terá início em Humaitá (AM), destacando-se pela presença de membros da Justiça acreana. Com o tema “Justiça Itinerante – Cooperativa na Amazônia Legal”, o evento, organizado pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ), terá como pautas centrais os direitos humanos e a realidade socioambiental do Amazonas, incluindo a situação dos povos indígenas.

No domingo, 16, representantes do Poder Judiciário do Acre partiram para a missão após uma reunião de alinhamento com a assessora militar do TJAC, Coronel Alexsandra, para definir as diretrizes que orientarão o evento. Pela primeira vez, os policiais judiciais estarão presentes para apoiar todos os magistrados participantes, incluindo a presidente do Tribunal de Justiça do Acre (TJAC), desembargadora Regina Ferrari.

Essa edição da Justiça Itinerante Cooperativa na Amazônia Legal é a segunda desde o início do programa e conta com a colaboração de equipes de 38 instituições do serviço público. Entre os dias 17 e 21, das 8h às 18h, esses profissionais estarão disponíveis em escolas de Humaitá e Lábrea, municípios da região com 45,5 mil habitantes, oferecendo diversos serviços em prol da promoção da cidadania.

Veja Mais