Acre já teve 5 casos de meningite confirmados e duas mortes em 2019, diz Sesacre

1
104

22 de Junho de 2019 YACONEWS

POR MARCOS DIONE


A Secretaria de Estado de Saúde do Acre (Sesacre) divulgou na manhã deste sábado (22) um Informe Epidemiológico dando conta de que em 2019 pelo menos 5 casos de meningite já foram confirmados no Acre. Desses 5 casos, dois deles resultaram em morte. Ao todo foram realizadas 20 notificações. A Secretaria não informou a identificação das pessoas que morreram com a doença.

A Sesacre nega que o jovem Elvis Onofre, de Boca do Acre, tenha sido vítima da doença. Elvinho, como era conhecido o jovem de 26 anos, deu entrada no Pronto Socorro de Rio Branco após ser diagnosticado com sintomas de meningite. Mas devido a falta de uma vaga na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), ele desenvolveu uma pneumonia e morreu no último dia 18 de junho.

“Uma parente de Elvis Onofre, desmente essa informação repassada pelo Sesacre, com o laudo, ela confirma que o jovem foi vitima de meningite, ainda disse que o velorio de Evis, aconteceu com o caixão fechado a pedido do medico”

A Meningite é a inflamação das membranas que revestem o cérebro e a medula espinhal, geralmente causada por uma infecção. Os sintomas incluem dor de cabeça, febre e torcicolo. Dependendo da causa, a meningite pode melhorar com o tempo ou pode ser fatal, necessitando de tratamento antibiótico urgente. A propagação ocorre por gotículas respiratórias no ar (tosse ou espirro).

Ainda de acordo com os dados divulgados pela Sesacre, quanto aos 2 óbitos, um ocorreu em Rio Branco e o outro no município de Tarauacá. O risco de um surto da doença não é descartado, uma vez que no Hospital Roberto Galindo, em Cobija, cidade boliviana que fica na região de fronteira com o Brasil, já foram confirmados mais de 50 casos da doença. A Vigilância Epidemiológica está em alerta.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui