Júri popular de suspeitos de matar e queimar motorista de aplicativo no AC é marcado para abril

0
33

29 Jan de 2020 do YacoNews
Por Aline Nascimento

Os quatro suspeitos de matar e queimar o corpo do motorista de aplicativo Arthur da Silva Melo vão a júri popular no dia 28 de abril, no Fórum Criminal do Acre, em Rio Branco. A informação foi confirmada pela defesa de um dos suspeitos.

O motorista levou um tiro na cabeça antes de ser queimado dentro do carro. O crime ocorreu na Estrada do Quixadá, em Rio Branco, em abril de 2018. Uma moradora do local acionou a polícia após encontrar o carro queimado.

Uma equipe da Rede Amazônica foi até o local e percebeu que havia um corpo carbonizado dentro do veículo.

As investigações concluíram que a morte de Melo teve a participação de Sávio Jó da Silva Silva, preso em maio do ano passado, quando tentava chegar em Rondônia com drogas. Para a polícia, Lima foi a pessoa que executou o motorista.

O crime teria sido praticado ainda com a ajuda do irmão de Lima, da cunhada e de uma terceira pessoa que teria dirigido o carro.

Essa pessoa que dirigiu o carro foi Kennedy Vidal dos Santos, segundo a Justiça. Porém, a defesa alega que o rapaz foi coagido a participar do crime.

“O despacho é de 20 de janeiro e essa sessão, segundo consta nos autos, está designada para o dia 28 de abril no Tribunal do Júri, às 8h30. Nos autos não constam nenhuma prova de que ele matou alguém. É acusado de ter dirigido o carro”, disse o advogado João Figueiredo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui