Polícia prende dupla acusada de cometer 5 homicídios na Capital

0
32

22 Jan de 2020 do YacoNews
Por Davi Sahid


Agentes de Polícia Civil da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) com o apoio do Departamento de Polícia da Capital e Interior (DPCI) prenderam na tarde de domingo (19) na Baixada da Sobral, dois suspeitos de vários Homicídios em Rio Branco.

De acordo com a polícia, após um trabalho de investigação os agentes de polícia civil conseguiram provas suficiente para fortalecer o inquérito policial, que apontou a autoria da dupla em vários homicídios, além de fazer parte do conselho uma organização criminosa.

A autoridade policial representou pelas prisões dos investigados que foram presos e aguardarão o processo e julgamento.

Dentre os casos investigados, a primeira vítima foi um senhor de 42 anos, executado a tiros na madrugada do dia 07 de dezembro de 2019. O crime aconteceu na rua Panamá, bairro Cabreúva, região da Baixada da Sobral, em Rio Branco.

A vítima estava caminhando na rua quando dois homens não identificados se aproximaram em uma motocicleta, e o garupa efetuou vários disparos de pistola 380. Os projeteis atingiram várias parte do corpo da vítima que não resistiu e faleceu no local.

Outro crime foi a prática do duplo homicídio combinado contra os irmãos, Kellyton Costa dos Santos, e Elias Costa dos Santos e tentativa de homicídio contra a jovem Rayla da Silva Monteiro, de 19 anos, que estava grávida de oito meses. O ataque as vítimas aconteceu na Rua João Amâncio, região da Baixada da Sobral, em Rio Branco.

A dupla é suspeita também de matar Ediberto Melo de Souza, de 38 anos, executado com 10 tiros na Rua 7 de setembro, bairro Boa União e de também matar com 5 tiros Stanley Fernandes, de 20 anos. O crime ocorreu em residencial na rua Vitória na bairro Conquista.

A facção descobriu que havia dois membros da organização B13 morando num residencial. Stanley foi sondar quem era os rivais que estavam morando no apartamento e, ao chegar no local, os membros do B13 reagiram e efetuaram 5 tiros. Stanley foi ferido com três tiros na cabeça e dois nas costas. Após a ação os faccionários do B13 fugiram do apartamento tomando rumo ignorado.

Os suspeitos dos homicídios poderão ser condenados pelos crimes de homicídio qualificado, organização criminosa, porte ilegal de arma de fogo e outros, cuja as penas podem ultrapassar 30 anos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui