Justiça suspende júri de homem acusado de matar companheira a facada na frente dos filhos em Manoel Urbano

0
476

A Justiça do Acre suspendeu o júri popular do réu Andreci Paulo de Amorim, de 29 anos, que confessou ter matado a mulher, Maria Antônia Saboia da Silva, de 30 anos, com vários golpes de faca na frente dos filhos. O julgamento estava marcado para sexta-feira (27) na comarca do município de Manoel Urbano, no interior do Acre.

Contudo, a Justiça afirmou que suspendeu o julgamento devido o aumento de casos de Covid-19 na cidade. Além disso, a Secretaria Municipal de Saúde alertou para o risco de a cidade regredir para a bandeira amarela.

Com pouco mais de 9,5 mil habitantes, Manoel Urbano registra 376 casos de Covid-19, segundo a Secretaria Estadual de Saúde. Duas pessoas morreram na cidade em decorrência da doença.

O crime ocorreu no dia 31 de maio deste ano na cidade de Manoel Urbano. Um dia após a morte da mulher, Amorim ligou para o 190 da Polícia Militar, confessou o crime, informou sua localização e foi preso em flagrante pelo feminicídio.

Na época, a PM-AC disse que o homem relatou que tinha cometido o crime por conta de uma suposta traição. O G1 não conseguiu contato com a defesa do réu.

Por Aline Nascimento, G1 AC

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui