Sob a mira de “canhões”, Zen foi o mais seguro e equilibrado nos debates do 1º turno

0
137

Talvez, de fato, depois de tantos anos, o PT, partido que já lotou ginásios com comissionados e militantes, não consiga mais encher uma Kombi. Coisa de quem está fora do poder. O combalido PT, entretanto, escolheu bem seu candidato. Outro, provavelmente, perderia as estribeiras.

É inegável o preparo do candidato petista à prefeitura de Rio Branco, Daniel Zen. Em todos os debates sobrou. Não se apavorou. Manteve equilíbrio e não esboçou qualquer nervosismo, mesmo quando algum adversário mirou o canhão municiado de balas antipestistas contra ele.

Zen parece meio blasé às vezes, e é provável que isso tenha lhe ajudado. Lida com críticas com naturalidade e entre uma réplica ou pergunta e outra põe uma linha tênue de ironia na construção de suas frases e argumentos.

 

Notícias da Hora

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui