Prefeito Mazinho defende secretário preso e diz que quem fazia o esquema era a funcionária da Semsur

0
290

Em uma entrevista concedida nesta quarta (01) ao funcionário público e radialista Aldejane Pinto, seu aliado da comunicação, na Rádio Comunitária Dimensão FM, o prefeito de Sena Madureira, Mazinho Serafim (MDB), disse acreditar na inocência de seu secretário da Semsur, Jeocundo Assis, preso na manhã de ontem por meio da operação “Combustol “, realizada pela Polícia Civil.

“Pode pegar o processo. Em nenhum momento fala que o secretário vendeu combustível. Eu acredito na lisura do secretário. A funcionária da Semsur é quem estava fazendo o negócio com outra pessoas e vendia para um empresário”, comentou.

As declarações do prefeito vão de encontro ao que disse ontem o delegado Marcos Frank, responsável pelas investigações. Na ocasião, o delegado considerou a conduta do secretário como criminosa e imoral.

Ouça o que disse o prefeito:

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui