Com a meta de zerar fila, Governo atende mais 13 moradores de Sena com o mutirão de cirurgias

A equipe do hospital entra em contato, via telefone, com os pacientes para informar da cirurgia.

0
47

Por Edinaldo Gomes

Os moradores de Sena Madureira com problemas de hérnia e vesícula que não tem condições de recorrer à esfera particular estão sendo atendidos pelo Governo do Acre através do mutirão de cirurgias. Até agora, segundo dados do Hospital João Câncio Fernandes, em torno de 60 pacientes já foram atendidos pelo mutirão.

Neste sábado (7), mais treze moradores foram encaminhados à Fundação Hospitalar do Acre (Fundhacre) para serem cirurgiados. Os procedimentos ocorrem em Rio Branco porque o Hospital João Câncio Fernandes está recebendo um trabalho de reforma e ampliação. “A determinação do governador Gladson Cameli e da nossa secretária estadual de saúde, Paula Mariano, é no sentido de atender todas as pessoas que estão na fila de espera. Graças a Deus, muitos pacientes já foram atendidos”, comentou Edgardina Matos, gerente geral do hospital de Sena.

A equipe do hospital entra em contato, via telefone, com os pacientes para informar da cirurgia. Antes do encaminhamento para Rio Branco, é feito o procedimento pré-operatório em Sena Madureira. “Todos os exames são feitos aqui no hospital, inclusive com o cardiologista. À medida que o morador está apto a ser cirurgiado, o mesmo é levado para Rio Branco, sem nenhum custo”, destacou.

Por fim, Edgardina fez uma recomendação a quem ainda não foi atendido, mas está cadastrado no sistema. “A meta do governador é zerar a fila de espera. Nesse sentido, pedimos às pessoas cadastradas que atualizem seus números de telefone para facilitar a localização”, frisou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui