Vem a óbito décima criança por síndrome respiratória aguda grave (Srag) no Acre

Uma criança de um ano é a décima vítima do surto de síndrome respiratória aguda grave (Srag) que vem afetando crianças no Acre.

0
130

 

De acordo com a Sesacre, a causa da morte foi “choque séptico refratário por pneumonia” Uma criança de um ano é a décima vítima do surto de síndrome respiratória aguda grave (Srag) que vem afetando crianças no Acre.

A Secretaria de Estado de Saúde confirmou a informação à ContiNet. A menina morreu nesta segunda-feira (13) horas após ser transferida do pronto-socorro e para o Instituto de Trauma do Acre (Into).

Segundo a Sesacre, a causa da morte foi “choque séptico refratário por pneumonia”.

Nos últimos dois meses, 10 crianças morreram e os hospitais do Acre estão sobrecarregados. No fim de semana, o estado ampliou o número de leitos do Hospital Infantil de nove para 20, e o hospital começou a funcionar na unidade do Instituto de Trauma e Ortopedia do Acre (Into-Ac).

No último domingo (12), o governo decidiu criar um comitê de emergência para acompanhar a situação.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui