Vídeo: População ameaça invadir delegacia de polícia para linchar estuprador de duas crianças

De acordo com informações o autor dos estupros das duas irmãs foi preso quando já estava escondido dentro de uma embarcação e tentava fugir de Anori para o município de Codajás.

0
72

Centenas de pessoas tentaram invadir a Delegacia Interativa de Polícia do município de Anori durante a noite desta sexta-feira, 19, para linchar um homem acusado de estuprar duas crianças de 7 e 9 anos de idade.

Quando a notícia da prisão do suspeito começou a circular no município, que fica distante 195 quilômetros de Manaus, a multidão furiosa começou a se aglomerar na frente da unidade policial e foi iniciado um grande tumulto.

A mãe das crianças estupradas estava no local e nas imagens de um vídeo que circula nas redes sociais agora á noite, ela aparece bastante revoltada, grita muito e também tenta invadir a delegacia, mas é contida por um policial militar.

O acusado é vendedor ambulante em Anori e já foi confirmado que ele vivia com uma das tias das duas crianças e já vinha praticando abusos sexuais há algum tempo e somente agora os estupros foram descobertos.

A invasão quase aconteceu, exatamente no momento que a viatura parou na frente da unidade e o vendedor ambulante acusado de estupro desceu e teve que ser escoltado rapidamente para dentro da Delegacia de Polícia Civil.

De acordo com informações o autor dos estupros das duas irmãs foi preso quando já estava escondido dentro de uma embarcação e tentava fugir de Anori para o município de Codajás, mas foi denunciado e a fuga foi evitada após sua prisão.

Um reforço de policiais civis e militares foi solicitado ao Batalhão da Polícia Militar de Codajás, porque a multidão de pessoas continuava revoltada e ameaçando o tempo todo invadir a DIP para linchar o vendedor ambulante tarado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui