Bandeira verde: consumidores acreanos devem pagar menos na tarifa de energia em setembro

0
56

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) anunciou na última semana, que a bandeira tarifária vigente para o mês de setembro permanece verde. Desde meados do primeiro semestre de 2022 que as contas de energia não têm cobrança adicional.

A bandeira verde aparece na conta de luz quando há boas condições de geração de energia, por isso não há acréscimo para o consumidor na tarifa. Segundo a Agência, a decisão reflete as boas condições de geração de energia elétrica.

A cor da bandeira definida é válida para todos os consumidores conectados ao Sistema Interligado Nacional (SNI), que o Acre está inserido.

Bandeiras tarifárias

A bandeira verde aparece na conta de luz quando há boas condições de geração de energia, por isso não há acréscimo para o consumidor na tarifa. Já a bandeira amarela, sinaliza que algumas condições tornam mais caro a geração de energia e a tarifa passa a ter um acréscimo de R$1,874 para cada 100 quilowatts (kWh).

A bandeira vermelha mostra uma piora nas condições de geração de energia e é dividida em três patamares. O patamar 1 da bandeira representa um acréscimo de R$ 3,971 para cada 100 quilowatt-hora (kWh) consumido. Já o patamar 2 representa um acréscimo de R$ 9,492 para cada 100 quilowatt-hora. A bandeira escassez hídrica, criada no ano passado, representa uma cobrança de R$ 14,20 a mais para cada 100 quilowatt-hora consumidos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui