Profissão Repórter exibe suspeita de assédio eleitoral em prol de Bolsonaro no interior do Mato Grosso do Sul

0
53

 Os jornalistas Caco Barcellos e Chico Bahia exibiram no programa Profissão Repórter, da Globo, um suposto caso de assédio eleitoral, por meio do cadastro do Auxílio Brasil, no município de Coronel Sapucaia, em Mato Grosso do Sul, faltando menos de 48 horas para o segundo turno das eleições, realizado no domingo (30).

“Ao ver Caco entrando no local, a assessora da secretária que falava veio a seu encontro e, ao ser questionada se a reunião teria a ver com a votação, afirmou hesitante: “Tem a ver de demonstrar o que o presidente e o governador estão fazendo pelas pessoas., Ao ser questionada sobre a reunião, a mulher diz “que tem que mandar as listas”. “Nós mandamos a lista para o MDS”, completa em seguida.

Testemunhas relataram que as reuniões teriam sido iniciadas três dias antes da realização do segundo turno. “Antes não tinha essa reunião não. Disse que era para assinar o negócio do Bolsa Família. Aí ontem que eu ouvi falando que, quando acaba a reunião, o Rudi [Rudi Paetzold, MDB] dá R$ 50 para cada um. Rudi é o prefeito daqui”, contou uma mulher que estava no local.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui