25 fevereiro 2024

BARBÁRIE: Homem estupra e mata prima de 9 anos e depois vai à igreja

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Publicidade

Alefe Oliveira de Souza, de 28 anos, confessou que estuprou e matou asfixiada a pequena Sarah Lopes da Costa, de apenas 9 anos. Após isso ele foi até à igreja que frequentava e ao sair, ainda, ajudou os familiares a procurá-la.

O crime ocorreu nesta quarta-feira, 15 de março, no conjunto Boné Azul, no bairro das Pedrinhas, na zona sul de Macapá. A menina estava desaparecida desde às 16 horas quando foi vista pela última vez.

Os familiares começaram a procurar a garotinha, sem sucesso. Já por volta de 0h15 desta quinta-feira, 16, o primo da vítima confessou o crime. No início ele contou à polícia que teria visto um carro preto na redondeza, porém os militares procuraram imagens das câmeras de segurança do local e não encontraram vestígios.

O assassino ainda contou à polícia que seu vizinho, Jonhnatan dos Santos Almeida, de 36 anos, teria presenciado o estupro e assassinato da garotinha.

O corpo da criança foi achado num matagal sem calcinha. Ela teria ido empinar pipa com o assassino quando desapareceu.

A menina, Sarah Lopes, era aluna do 4°ano da escola Wilson Malcher. Ela também era evangélica e cantava no coral da igreja.

O corpo de Sarinha, como era carinhosamente tratada, foi removido para o Departamento de Medicina Legal- DML.

Os dois foram levados para audiência de custódia, onde será decidido se eles vão ser encaminhados ao Instituto de Administração Penitenciária (Iapen) ou se serão liberados para responderem pelo brutal crime em liberdade.

SGC/Portal CM7

Veja Mais