22 maio 2024

Em Cruzeiro do Sul, governadora Mailza prestigia ato alusivo ao Dia Internacional da Mulher

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
Governadora em exercício prestigiou evento alusivo ao Dia Internacional da Mulher, em Cruzeiro do Sul. Foto: Marcos Santos/Secom

Políticas voltadas à promoção de oportunidades e ao enfrentamento à violência contra a mulher são fortalecidas pelo executivo Estadual, que valoriza o protagonismo da figura feminina no processo de desenvolvimento do Acre.

Presente ao evento que celebrou o Dia Internacional da Mulher, nesta quarta-feira, 8, em Cruzeiro do Sul, a governadora em exercício Mailza deu destaque à luta feminina por empoderamento.

“Parabenizo todas as mulheres que seguem buscando liberdade e que conquistaram seu espaço na sociedade com muita luta e determinação. Esse é um ato que representa nossa busca por direitos”, destacou a gestora.

Mailza: “Esse é um ato que representa nossa busca por direitos”. Foto: Marcos Santos/Secom

Ações de governo são implementadas para proporcionar às mulheres uma sociedade mais justa e segura. Entre as medidas, destaque para a criação da Secretaria da Mulher, a disponibilidade de três Centros de Atendimentos Especializados à Mulher, a futura construção da nova Maternidade de Rio Branco e a entrega, em breve, da Delegacia da Mulher, que vai funcionar 24 horas por dia no enfrentamento à violência de gênero.

Governo do Acre segue atuante para reduzir os índices de feminicídio. Foto: Marcos Santos/Secom

Dados do Monitor da Violência, elaborado pelo G1, apontam que o Acre reduziu 23% os casos de feminicídio no último ano, em relação a 2021. “Estamos atuantes no combate ao feminicídio, pois a principal bandeira do governo é cuidar de pessoas. Com a colaboração de todos e união, vamos construir um estado melhor”, ratificou Mailza.

Cruzeiro do Sul é uma das regiões do Acre que apresenta queda na taxa de feminicídio.  A primeira-dama do município, Lurdinha Lima, falou da importância do trabalho coeso entre governo e prefeitura na conquista dos resultados positivos. “São ações feitas de modo integrado e de fundamental importância para mulheres que vivem em situação de vulnerabilidade”, disse.

Lurdinha Lima: “Não vamos medir esforços para seguir reduzindo o feminicídio em Cruzeiro do Sul. Foto: Marcos Santos/Secom

No encontro também se fizeram presentes representantes de pastas, autarquias e departamentos governamentais, políticos e autoridades locais, e indígenas da etnia Noke Koîn.

Evento homenageou mulheres vítimas da violência na região. Foto: Marcos Santos/Secom

O que disseram

“Estamos trabalhando para construir uma Cruzeiro do Sul melhor para as mulheres. Exemplo disso, é a redução dos índices de feminicídio, que em 2022 foi registrado apenas um caso”, delegado de Polícia Civil, Rômulo Carvalho.

“Hoje é dia de valorizar a mulher, com respeito e dignidade. Para que o 8 de março existisse, muitas vidas se foram. A mulher é capaz de estar onde quiser”, Sergiane Vieira, coordenadora municipal de Políticas Públicas para as Mulheres.

“Acreditamos que vão fluir as políticas que beneficiam as mulheres. Quando a mulher quer, ela faz”, Celene Lourenço, educadora.

É um evento que marca conquistas das mulheres. Temos muito a comemorar e agradecer às guerreiras pelos avanços. Na área da Saúde, a empatia e a dedicação das mulheres faz toda a diferença”, Diani Carvalho, coordenadora regional da Sesacre.

Via Agencia de Noticias do Acre

Veja Mais