28 maio 2024

Homem com diploma falso tenta tirar registro médico no Acre

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Um indivíduo de 37 anos está sob investigação da Polícia Federal após tentar obter o registro médico no Conselho Regional de Medicina do Acre (CRM-AC) usando um diploma falso de medicina. Ele apresentou o requerimento de inscrição no CRM-AC em 17 de julho deste ano, porém, o CRM percebeu algumas irregularidades no documento.

“O suspeito alegou ser formado em medicina desde janeiro de 2015, afirmando ter obtido seu diploma na Universidade Federal da Bahia. No entanto, o diploma apresentado, datado de 4 de dezembro de 2014, levantou suspeitas entre os responsáveis pelo setor de registros do CRM-AC. Seguindo o Manual de Procedimento Administrativo, solicitou-se à Universidade Federal da Bahia a confirmação da expedição do diploma médico. A instituição respondeu que não conseguiu encontrar qualquer registro do suposto médico em seus arquivos, tanto físicos quanto digitais”, relata o comunicado do conselho.

Além disso, a Universidade Federal da Bahia negou qualquer conhecimento sobre o suposto “Livro de Registro” mencionado no verso do documento e questionou a validade do número de registro fornecido. As assinaturas dos supostos representantes da Universidade no documento também foram declaradas como não reconhecidas.

“A CRM-AC reafirma seu compromisso inabalável com a segurança do paciente e a boa prática da medicina. Estamos dedicados a garantir que apenas profissionais habilitados e qualificados façam parte de nossa comunidade médica, assegurando, assim, a confiabilidade dos serviços médicos e a saúde de nossa população”, afirmou a presidente do CRM-AC, Dra. Leuda Dávalos, em nota enviada pela assessoria.

 

Veja Mais