28 maio 2024

Pastor é preso por estupro de vulnerável e importunação sexual na região do Juruá

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Um pastor evangélico de 46 anos foi preso nesta quarta-feira (11), indiciado por estupro de vulnerável e importunação sexual contra fiéis da Comunidade Bagé, zona rural de Marechal Thaumaturgo, interior do Acre. A prisão preventiva do religioso foi solicitada após o indiciamento, e nesta semana a Justiça concordou com o pedido e ordenou a prisão.

A Polícia Civil recebeu uma denúncia do Conselho Tutelar e do Ministério Público de que o pastor estaria abusando sexualmente de crianças e adolescentes. Após investigações e oitivas das vítimas e testemunhas, a polícia concluiu que ele tinha participação nos crimes. O homem foi preso no porto de Cruzeiro do Sul no momento em que chegava à cidade.

O pastor foi encaminhado à Delegacia de Cruzeiro do Sul, onde passará por audiência de custódia. Durante as investigações, a polícia identificou nove vítimas, entre crianças e adolescentes, que teriam sido abusadas pelo pastor.

O pastor foi ouvido durante o inquérito no início de setembro. Ele negou os crimes, alegando que era perseguição por parte de uma fiel. No entanto, o delegado afirmou que as vítimas não têm nenhuma relação umas com as outras.

A Polícia Civil espera que seja feita justiça e que fatos como esse de abuso de crianças e adolescentes no município não ocorram mais.

Veja Mais