24 junho 2024

Alunos empurram caminhão que fazia transporte escolar devido às más condições das estradas em Brasiléia, no Acre

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Um vídeo viralizou nas redes sociais mostrando alunos da Escola Estadual Valéria de Sabala empurrando um caminhão que os levaria para a aula, devido às precárias condições das estradas na região. Esses estudantes residem em uma comunidade rural próxima ao km 17 da Estrada do Pacífico, situada no município de Brasiléia, interior do Acre.

Maria Cecilia Carvalho, representante do núcleo de educação da cidade, explicou que devido às dificuldades de acesso, os alunos dependem de caminhões e caminhonetes para chegar à escola. Ela afirmou que um pedido de melhorias nas estradas foi encaminhado à Secretaria de Obras e que medidas estão sendo tomadas para resolver a situação.

Lima Andrade, gerente de ramais da Prefeitura de Brasiléia, atribuiu os problemas nas estradas às condições climáticas adversas, especialmente às chuvas torrenciais que assolaram a região em fevereiro. Ele ressaltou que os reparos nas estradas devem ser realizados em até 20 dias, mas que a interrupção temporária das obras devido às chuvas recentes atrasou o cronograma.

Apesar das dificuldades, a Prefeitura de Brasiléia está empenhada na recuperação e manutenção das estradas afetadas, bem como na restauração das pontes danificadas pela enchente recente. Mais de 2.200 quilômetros de ramais estão sendo atendidos, beneficiando mais de 650 famílias que anteriormente ficaram isoladas devido às condições precárias das vias.

A prefeitura garantiu que nenhum comunidade rural está atualmente isolada, mas continua o esforço para garantir a acessibilidade e a segurança de todos os moradores dessas áreas remotas.

Veja Mais