21 julho 2024

Despesa com cestas básicas consome quase metade do salário mínimo no Acre

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Publicidade

Dados de maio revelam que 46,3% do salário mínimo, atualmente fixado em R$ 1.412,00, foi destinado à compra de cestas básicas de alimentos, produtos de limpeza e itens de higiene pessoal por um trabalhador acreano.

Para uma família de cinco pessoas, a proporção do salário mínimo gasta com esses itens caiu de 41,2% em dezembro de 2023 para 39,0% em maio de 2024. “Essa redução representa aproximadamente 2,2 pontos percentuais no período. Comparado ao mês anterior, abril de 2024, a queda foi de 1,9 ponto percentual”, detalha a Secretaria de Planejamento, responsável pela pesquisa da cesta básica em Rio Branco.

A pesquisa considera uma família padrão composta por dois adultos e três crianças, assumindo que uma criança consome metade da provisão de um adulto.

Em maio, o custo estimado para uma família padrão adquirir as cestas básicas de alimentação, limpeza doméstica e higiene pessoal foi de R$ 2.286,79. Para sustentar essa família, seria necessário um total de aproximadamente 1,62 salários mínimos.

Veja Mais