20 julho 2024

Vídeo: judeus expulsam pastor bolsonarista do Muro das Lamentações

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Publicidade

O pastor Alan Chaves, apoiador do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL), foi expulso por judeus do Muro das Lamentações, em Jerusalém, após tentar pregar no local.

Em um vídeo publicado no Instagram, nesse domingo (23/6), o líder religioso mostra o momento em que tenta fazer uma pregação no local, considerado um dos locais mais sagrados do judaísmo.

Enquanto segura a Bíblia, Alan Chaves é cercado por um grupo de crianças e jovens que começam a cantar uma música pró-Israel. Alguns deles levantam cópias da Torá, o livro sagrado dos judeus. Segundo o pastor, ele ainda foi perseguido e sofreu ameaças de agressão por parte de três judeus.

“Nos expulsaram do Muro das Lamentações porque falamos de Jesus”, escreveu o pastor na legenda da publicação.

 

Alan Chaves foi hostilizado durante uma viagem missionária à Israel, anunciada em janeiro deste ano.

“Vamos levar aos judeus a mensagem de salvação de Cristo e seu consolo”, anunciou em uma publicação no Instagram, onde também deixou uma chave Pix para que pessoas pudessem contribuir para a viagem.

Via Metrópoles

Veja Mais