24 julho 2024

Irmãos condenados a mais de 17 anos de prisão por tráfico e porte ilegal armas no Acre

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Publicidade

Na última sexta-feira, 5 de julho de 2024, a Justiça condenou os irmãos Franscleuvis Baima e Débora Baima a mais de 17 anos de prisão. A decisão foi proferida pelo juiz da 2ª Vara Criminal de Rio Branco e divulgada pela TV 5.

Franscleuvis, de 26 anos, recebeu a maior pena, que deverá ser cumprida em regime fechado. Ele foi condenado por tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo, totalizando 10 anos, 11 meses e 12 dias de prisão.

Débora, por sua vez, foi sentenciada a 7 anos e 2 meses de prisão. Atualmente em prisão domiciliar, ela tem o direito de recorrer em liberdade. A defesa dos réus ainda pode apelar da decisão judicial.

De acordo com a reportagem, Franscleuvis foi detido em abril deste ano durante uma operação da Delegacia de Repressão ao Narcotráfico da Polícia Civil. Na ocasião, foram apreendidos mais de 11 kg de drogas, duas armas de fogo – incluindo uma pistola calibre 380 -, munições e aproximadamente R$ 70 mil em espécie.

(Com informações do ac24horas).

 

Veja Mais