Com ruas precárias, moradores do bairro da Vitória em Sena pedem socorro, cobram prefeitura e vereadores

Conversando com alguns moradores percebe-se a falta da presença do poder público no local para proporcionar um direito fundamental daqueles moradores.

0
135
Na imagem um idoso com deficiencia tenta se locomover com dificuldade pela principal rua do bairro.

Na manhã desta terça (17) nossa reportagem esteve no bairro da Vitória para conferir de perto a situação das ruas do bairro que são alvo de críticas dos próprios moradores que sempre reivindicaram melhoras para trafegabilidade na comunidade por parte da prefeitura.

É gritante a situação em que se encontra a estrutura de várias ruas daquela localidade, um dos bairros mais populosos de Sena Madureira.

Conversando com alguns moradores percebe-se a falta da presença do poder público no local para proporcionar um direito fundamental daqueles moradores. O direito de ir e vir.

Um taxista comentou ao YacoNews a dificuldade para entregar passageiros por conta da precariredade das ruas. “Um dia desses fui deixar um passageiro lá, mas infelizmente não consegui chegar até sua casa por conta da buraqueira e do acesso complicado.” disse

“Aqui se houver uma emergência, o doente corre risco de morte porque o SAMU não consegue nem entrar e nem sair com rapidez por conta dessas “panelas” que tem no meio da rua. E olha que não são poucas.” disse uma moradora que teme se identificar por conta de represálias

“Muitos moradores daqui tem vontade de colocar boca no trombone mais tem medo. Ai é o jeito viver nesa situação. Onde estão nossos vereadores para cobrar isso?” finalizou

Vale ressaltar que recentemente o vereador Elvis Dany convidou vários presidentes de bairro para tratar de assuntos de interesse da comunidade, mas apenas um presidente se fez presente. Em vários pronunciamentos na câmara, veredores de oposição têm criticado a real situação em que as ruas da cidade sem encontram.

Veja mais fotos das ruas do bairro da Vitória:

 

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui