Postos do AC preveem nova redução no preço da gasolina após anúncio da Petrobras

0
48

A redução anunciada pela Petrobras de 7,08% no preço da gasolina para as distribuidoras vale à partir de sexta-feira (2). O litro passará de R$ 3,53 para R$ 3,28, uma redução de R$ 0,25. O impacto estimado na inflação é de -0,24 por cento. A avaliação é do economista André Braz, que coordena o Índice de Preços ao Consumidor do Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getúlio Vargas (FGV Ibre).

O economista avalia que o desconto nas distribuidoras causará diminuição de 4% na gasolina comum vendida nos postos. Uma vez que o preço médio no Brasil é de R$ 5,25 por litro, em média teremos uma redução na ordem de R$ 0,21.

Também apontou a possibilidade de inflação negativa ao final do mês, uma vez que a gasolina faz diferença no orçamento familiar, comprometendo-o em até 6,5%”.

No Acre, de acordo com o presidente do Sindicato dos Postos de Combustíveis do Acre (SINDEPAC), Delano Lima e Silva, os postos estão aguardando que as distribuidoras oficializem a redução anunciada, indicando os novos valores nos preços dos combustíveis.

A estimativa é que isso ocorra até o início da próxima semana, em três ou quatro dias, segundo Delano. Ele avalia que é muito positivo quando isso ocorre, porque aumenta o movimento nos postos e o setor tem enfrentado muitas dificuldades por conta da pandemia. Também é bom para as pessoas, que ganharão mais mobilidade e poder de compra, uma vez que os preços das mercadorias estão atrelados ao do combustível, conclui.

Segundo o economista André Braz, contudo, “a classe média baixa, que vem tendo a inflação como um grande desafio, não se beneficia da gasolina mais barata. Se essa queda fosse no diesel, o efeito seria discreto no IPCA, mas o impacto social e de longo prazo seria maior, já que impactaria na redução do frete e no reajuste da tarifa do transporte público”, explica.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui