17 julho 2024

Após 4 anos parada, Escola Modelo em Sena Madureira será entregue em meio a polêmicas

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Publicidade

A Prefeitura de Sena Madureira anunciou a entrega iminente da Escola Modelo Professor Hermano Filho, localizada na rua Maranhão, após um longo período de obras e atrasos. A nova escola, com 12 salas de aula e quadra poliesportiva, promete oferecer uma infraestrutura moderna para os estudantes que serão remanejados das escolas Raimundo Hermínio de Melo e Guttemberg Modesto da Costa.

No entanto, a obra, orçada em R$ 3.567.966,31 milhões, está envolta em polêmicas. Iniciada no final de 2019, no primeiro mandato do prefeito Mazinho Serafim, a construção enfrentou diversos obstáculos, incluindo a desistência da primeira construtora vencedora da licitação. É importante ressaltar que, em agosto de 2019, a prefeitura já havia anunciado o início das obras com previsão de conclusão para meados de 2020, o que não se concretizou. Na época, o projeto era orçado em R$ 4,5 milhões e a primeira parcela dos recursos já havia sido depositada na conta do município com o auxílio do deputado federal Alan Rick.

Prefeito Mazinho assina Ordem de Serviço para construção da escola Hermano Filho, em Sena Madureira – ac24horas.com – Notícias do Acre

Momento em que o prefeito Mazinho ao lado do então deputado federal Allan Rick e da esposa na época deputada estadual Meire Serafim, assinam a ordem de serviço para a construção da escola em 22 de Agosto de 2019.

A demora na conclusão da escola gerou críticas e cobranças por parte de vereadores e da comunidade. A obra, que inicialmente previa a demolição do prédio da CAGEACRE, prejudicou produtores rurais que utilizavam o espaço para armazenar sua produção.

Outro ponto polêmico é a origem dos recursos para a construção da escola. O valor foi destinado pelo então deputado federal Allan Rick, hoje senador, e questionamentos foram levantados sobre o destino dos recursos durante o período em que a obra esteve paralisada.

A entrega da Escola Modelo Professor Hermano Filho, às vésperas das eleições municipais, levanta suspeitas de que a obra seja uma estratégia eleitoreira do prefeito Mazinho Serafim. A comunidade espera que a nova escola cumpra sua promessa de oferecer uma educação de qualidade, mas as polêmicas em torno da obra deixam um rastro de dúvidas sobre a gestão dos recursos públicos e a transparência do processo.

Veja Mais