17 julho 2024

Operação resgata 12 trabalhadores em condições análogas à escravidão

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Publicidade

A Polícia Federal (PF), em colaboração com o Ministério Público do Trabalho (MPT) e o Ministério do Trabalho e Emprego, anunciou nesta terça-feira (2) o resgate de 12 trabalhadores em condições degradantes em uma fazenda na cidade de São Raimundo das Mangabeiras, no Maranhão. A operação foi realizada entre os dias 17 e 26 de junho.

Além de São Raimundo das Mangabeiras, a ação abrangeu fazendas nos municípios de São Domingos do Azeitão, Pastos Bons e São João dos Patos, todos no Maranhão. A operação foi deflagrada após denúncias sobre a existência de trabalhadores em condições análogas à escravidão.

Enquanto em São Raimundo das Mangabeiras foram encontrados 12 trabalhadores em condições degradantes, nas outras fazendas visitadas não houve identificação de condições análogas à escravidão. No entanto, as fiscalizações revelaram várias violações da legislação trabalhista, bem como normas de segurança e saúde no ambiente de trabalho.

Em resposta a essas infrações, os estabelecimentos foram notificados e autuados por descumprimento das normas trabalhistas.

A operação destaca a importância contínua da vigilância e fiscalização para garantir o cumprimento das leis trabalhistas e a proteção dos direitos dos trabalhadores. A Polícia Federal, juntamente com o MPT e o Ministério do Trabalho e Emprego, continuará a monitorar e atuar contra condições de trabalho degradantes em todo o país.

Via Agência Brasil.

Veja Mais