Para reduzir gastos, governo usará Uber e mototáxi para transportar servidores públicos

0
197

Na edição do Diário Oficial desta sexta-feira, 27, o governador Gladson Cameli determinou redução de gastos com transportes públicos na administração pública. Os servidores passarão a utilizar os transportes alternativos, como Uber, mototáxi e outros.

O objetivo é a melhoria da mobilidade dos servidores públicos, empregados e colaboradores a serviço da Administração Pública Direta e Indireta vinculada ao Poder Executivo do Estado do Acre, por meio da disponibilização imediata de meio de transporte para execução de suas atribuições profissionais ainda a necessidade de estimular a geração de emprego e renda para os profissionais que realizam transporte terrestre individual de passageiros.

O governo alega os benefícios que a utilização de transporte terrestre individual de servidores públicos, via aplicativo de celular, realizada de forma moderna, automatizada e descentralizada, proporcionará ao Poder Executivo Estadual.

“O transporte terrestre, por demanda, pelos servidores públicos, empregados e colaboradores a serviço da Administração Pública Direta e Indireta vinculada ao Poder Executivo do Estado do Acre deverá ser realizado, prioritariamente, por meio de empresa ou cooperativa especializada na intermediação ou agenciamento de serviços de transporte terrestre individual de passageiros, por demanda via plataforma tecnológica, por meio de aplicação web e aplicativo mobile”, diz o texto.

O decreto se aplica aos deslocamentos realizados no perímetro urbano das cidades sedes dos municípios acreanos, excepcionalmente, se devidamente justificado e autorizado pela Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui